2012/10/31

Pra não dizer que não falei de Halloween...



Sempre que tem um feriado ou comemoração especial, a internet vira aquele mural de pré-escola, quando a professora nos ensinava todas as datas importantes e tornava aquele dia o "Dia da Data", ela também decorava a sala de aula e pedia para irmos todos bonitinhos usando alguma caracterização ou fantasia (o que comigo raramente acontecia). Nas redes sociais, cada um tenta mostrar sua forma de "comemorar" tais datas. E o Halloween não ficou de fora.

No caso do 31 de outubro se criou uma segunda vertente de postagens, aquela que procura valorizar a cultura brasileira – comemorando o dia do Saci e exaltando outros monstros populares do Brasil ao invés das abóboras e Franksnsteins da vida (o último é britânico, mas tudo bem) – e, muitas vezes, criticar os que reverenciam a cultura americana do Halloween. Creio que o espaço é livre para qualquer manifestação, afinal, cada pessoa tem seu perfil e faz dele o que quiser... seguindo minha linha "emcimadomurista"!

O Halloween, na verdade, é uma tradição norte-americana, mas que surgiu a partir de um festival de passagem de ano da mitologia celta, o Samhaim, que era a época em que acreditava-se que as almas dos mortos retornavam a suas casas para visitar os familiares.

E como faz tempo que não entro nessas ondinhas de postar sobre a comemoração do dia, deu saudade. Então trago aqui uma história em quadrinhos do Chico Bento, na qual existe esse bairrismo em relação aos costumes de Halloween, ou no caso, Dia das Bruxas...

Confira o 1º capítulo de "Halloween na roça" (Maurício de Sousa):



Fonte: www.monica.com.br



2012/10/30

Osama: "Quanto mais Sandy melhor"
























Inspirado em:



2012/10/29

Primeira imagem de um GreNal na Arena







Montagem: Joelison Freitas
Foto: Ducker



2012/10/17

Domínio Público: o verdadeiro Rio 2016!





Desde que o Brasil foi escolhido para sediar a Copa do Mundo de Futebol de 2014, e a cidade do Rio de Janeiro os Jogos Olímpicos de 2016, começaram as discussões sobre os gastos que seriam gerados com as obras, sem falar dos desvios; e discussões sobre os prejuízos que tais eventos trariam para os cofres públicos.

O país ficou dividido entre os "patriotas" que apoiam a realização (ou nacionalistas, já que não "sujarão" a mão em nenhum momento), e os realistas, que não veem nenhuma vantagem em priorizar a imagem do país com dois meses festivos "pra inglês ver" a dar ao povo o mínimo esperado de uma gestão política de qualidade.

E para quem ainda está na dúvida de qual lado ficar, trago aqui o documentário Domínio Público, produzido de maneira independente pela carioca, Paêbirú Realizações Cultivadas, um coletivo que agrupa profissionais das mais variadas plataformas artísticas e produz filmes, animações, documentários, etc. O curta mostra a opinião daqueles que estão sendo prejudicados pelas mudanças que o Rio de Janeiro vem sofrendo em função da Copa e dos Jogos. Ainda esclarece aos brasileiros, e aos "gringos", sobre o que realmente está por trás das UPP's do Rio, inclusive a forma como policiais expulsam os moradores de suas casas para colocar construções desnecessárias (segundo os moradores) no lugar.

Assista e tire suas conclusões:




Ao final do documentário, o diretor Fausto Mota, pede a colaboração por meio de doações, pois o projeto é maior que um curta-metragem de 17 minutos, os idealizadores pretendem produzir muito mais material a fim de mostrar à população os abusos que existem nessa função de Copa e Olimpíadas.

Para contribuir com os produtores, clique aqui!

Ah, e fica o comentário sobre a qualidade técnica da produção, apesar de não ter apoio financeiro externo, a qualidade de áudio e vídeo é muito boa. Além do ideal.


Vi no facebook do Jefferson Andrade



2012/10/15

Dead Set: apocalipse zumbi nunca é demais



Quem tá a fim de ver zumbis mas não aguenta esperar até semana que vem pra assistir ao próximo episódio da terceira temporada de The Walking Dead? Trago-lhes a solução. É a minissérie Dead Set.


Dead Set foi uma série exibida em cinco capítulos no britânico Channel 4. Ela foi criada pelo jornalista e escritor britânico, Charlie Brooker, e lançada em outubro de 2008, alusiva ao Halloween daquele ano. A trama curta se passa em um set de filmagens do reality show Big Brother, que foi um dos poucos lugares da Europa (ou do mundo) que ficou a salvo do apocalipse zumbi.

Não estou dizendo que a minissérie é um primor de produção, porque não é, nem estou comparando com a consagradíssima The Walking Dead. Os atores não são os melhores, as tomadas não são as melhores (são bem ruins, por sinal), mas é um bom passatempo pra quem gosta de ver cabeças de zumbis explodindo.

Bom, agora que eu já denegri a minissérie, convido-os para reservarem duas horinhas e assistirem a ela na íntegra, em forma de filme, que é bem mais interessante que seriada. Tive o pequeno trabalho de juntar os cinco episódios em um único arquivo e subir no YouTube, então, a quem interessar, bom proveito!




2012/10/13

Comentários sobre o filme "O Ditador" 2012


Sem spoiler!

Imagem do General Aladeen

Na semana passada, eu falei aqui sobre o novo filme da parceria entre o comediante Sacha Baron Cohen e o diretor Larry Charles, O Ditador. Pois então, o filme é, realmente, mais uma pérola dos criadores de Borat e Bruno. Desta vez, Sacha interpreta o General Aladeen, ditador do país fictício de Wadiya, que é odiado no mundo inteiro pelos seus métodos de liderar sua nação.

Além das piadas envolvendo assuntos polêmicos, como racismo e aborto, o filme fica, a todo momento, alfinetando o governo americano e a corrida nuclear que acontece nos países do Oriente Médio. Quem espera só dar risadas (e boas risadas) se surpreenderá, pois O Ditador também aborda o contexto político mundial atual, mas claro, com muito bom humor.

O que também me chamou atenção foi a trilha sonora. O produtor musical britânico, Erran Baron Cohen, irmão de Sacha, selecionou versões árabes de hits mundiais para compor a trilha de O Didator, incluindo o tema principal, a versão de The Next Episode (Dr. Dre) interpretada por Aiwa & Mr. Tibbz. O tema ganhou um apelido "carinhoso" de Aladeen Motherfucker. R.E.M. e Marvin Gaye também receberam versões de suas músicas em árabe, confira:





Fique agora com algumas cenas de O Ditador que eu transformei em tirinhas. Atentem para a primeira, quando o General Aladeen cita as características de uma ditadura para criticar a forma de democracia instituída nos Estados Unidos. Perfeito! As outras estão ai porque são engraçadas mesmo.

Pra compartilhar as tirinhas no facebook, basta clicar nas imagens. Ou acesse a página do blog.

Cena do discurso:


Cena da internet:


Cena do parto:


Cena do Crocs:




2012/10/08

Quatro deputados da Gangue da Matriz são eleitos como prefeitos e vice-prefeitos no RS



Há dois meses, eu publiquei aqui o nome dos deputados gaúchos que aumentaram em 73% seus próprios salários em 2010 e, agora em 2012, novamente se candidataram a cargos políticos no Rio Grande do Sul.

A minha intenção era alertar os eleitores de quem eram os candidatos à prefeitura de suas cidades e o que fizeram enquanto estiveram na Assembleia Legislativa Gaúcha. Mas, pelo jeito, a população tem pouca memória ou não se importa com o passado de seus elegíveis, já que, dos cinco integrantes da "Gangue da Matriz" que participavam do pleito, quatro deles receberam a aprovação do eleitorado.


Marco Alba (PMDB) - Gravatai - ELEITO com 54,82% dos votos contra 42,80% de Anabel (PSB).

Luciano Azevedo (PPS) - Passo Fundo - ELEITO com 51,08% dos votos contra 44,49% de Cecconelo (PT).

Paulo Brum (PSDB) - Candiota - ELEITO (vice de Folador (PT) - 73.96%)

Francisco Pinho (DEM) - Gravataí - ELEITO (vice de Marco Alba)

O único que não foi eleito foi Francisco Appio (PP), que concorria a prefeito de Vacaria e perdeu para Elói Poltronieri (PT). Elói teve 58,05% dos votos e Appio 41,95%.

O que posso dizer agora? Não consigo dizer mais nada do que "boa sorte" aos gaúchos que erraram e terão um ex-deputado com reputação suja à frente da administração pública de suas cidades. Cuidem seus bolsos!



2012/10/07

16º Mercocycle - 12 a 14 de outubro de 2012


Nesta semana ocorre um dos maiores eventos anuais de Santa Maria, o Mercocycle. Em sua 16ª edição, o Mercocycle reúne amantes de motociclismo e rock and roll em três dias de exposições e shows no Centro Desportivo Municipal de Santa Maria (Farrezão), a abertura ocorre às 9h de sexta-feira (12/10) e o encerramento é às 14h de domingo (14/10).

Motociclistas de todo o Mercosul se encontram no evento que começou em 1997, quando a Associação Motociclística Gaudérios do Asfalto já estava consolidada e os integrantes criaram o 1º Mercocycle. A partir dai, o encontro tomou proporções maiores, até ganhar uma data fixa na programação cultural de Santa Maria.

Banda Old Biker's (Gaudérios do Asfalto) no 15º Mercocycle (2012/10/08)

O Mercocycle é um evento perfeito pra quem curte aquele rock and roll de beira de estrada, com muito Creedence, AC/DC, Steppenwolf, Lynyrd Skynyrd e por aí vai... Além das bandas, a edição do ano passado contou com a presença da família da Família Rodrigues, que desafia as leis da física dentro de um Globo da Morte (saiba mais).

Confira a programação do 16º Mercocycle:


SEXTA-FEIRA, DIA 12 DE OUTUBRO DE 2012
  • 09:00h - Recepção (Abertura portões do CDM)
  • 18:00h/19:15h - Show Banda Tomahank
  • 19:30h/20:45h - Show Banda Memphis
  • 21:00h/22:30h - Show Banda Agito Capilar
  • 22:30h/00:03h - Show Banda Old Biker's (Gaudérios do Asfalto)
SÁBADO, DIA 13 DE OUTUBRO DE 2012
  • 09:00h - Recepção (Abertura portões do CDM)
  • 10:00h - Abertura oficial do evento
  • 11:00h - Passeios (Centro de Santa Maria e Base Aérea)
  • 16:00h - Demonstração da Esquadrilha da Fumaça (Base Aérea)
  • 18:00h/19:00h - Show Sobre Tudo Blues
  • 19:00h/20:45h - Show Os Arlindos
  • 21:00h/22:30h - Show Banda Old Biker's (Gaudérios do Asfalto)
  • 22:30h/00:30h - The Travallers
DOMINGO, DIA 14 DE OUTUBRO DE 2012
  • 09:00h - Recepção (Abertura portões do CDM)
  • 12:00h - Churrasco a "Moda Louco"
  • 14:00h - Encerramento

Endereço: CDM (Farrezão) - Rua Appel, 795 Bairro Fatima.


Som da Old Biker's no Mercocycle de 2011:
Creedence - "Have You Ever Seen The Rain"




Fonte: Mercocycle



2012/10/05

Sacha Baron Cohen agora vive "O Ditador"




Pra quem estava com saudade das maluquices de Bruno e Borat, o ator Sacha Baron Cohen vive um novo personagem tão excêntrico quanto, é o General Aladeen, O Ditador.

Apesar de já ter virado praxe, a história de um àrabe (ou austríaco, no caso de Bruno) invadir os Estados Unidos com seus hábitos nem um pouco populares e aceitáveis, a parceria entre o diretor Larry Charles e o ator britânico é uma das comédias mais repercutidas no cinema. Claro, muito disso se deve às polêmicas cenas sem nenhum pudor e com muito politicamente incorreto, mas quem liga?! É humor.

Desta vez, Sacha interpreta o ditador da República de Wadiya, um país que não conhece democracia. A trama se passa quando o Gen. Aladeen precisa ir aos Estados Unidos dar seu depoimento na sede da ONU, e a partir daí começam as loucuras no estilo Borat e Bruno.

O filme estreou hoje (05/10) em Santa Maria, mas está desde o dia 24 de agosto em algumas salas brasileiras. Em sua primeira semana de exibições, já era o terceiro filme mais visto no Brasil, apenas atrás de Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge e O Vingador do Futuro.

O trailer de O Ditador já é uma obra por si só: